O QUE É MAPA ASTRAL?

MAPA GRANDE 800 X 460 E 500

Mapa Radical ou Mapa Astral é um desenho do céu, especialmente do Sistema Solar, no exato momento que a pessoa nasceu, mais precisamente no momento da primeira respiração. Para calculá-lo são necessárias três informações sobre o nascimento:

1) Data completa: dia, mês e ano. Pela data sabemos em que signo e grau estão os astros a meia noite ou ao meio dia.

2) Hora exata: É necessário ajustar as posições dos astros para a hora do nascimento.

3) Cidade e país. É preciso saber a latitude e a longitude do local de nascimento.

Muitas pessoas estranham, mas não é necessária a informação do nome, porque ele não é usado em momento algum. Desse modo, tudo que tem data, hora e local, tem Mapa. É possível fazer um Mapa de uma pessoa, de um animal, de um acontecimento, de um encontro importante, de um casamento, da abertura de uma empresa, etc.

Para calcular o Mapa Astral manualmente, são necessários conhecimentos em Geometria e Álgebra. Hoje em dia, com o desenvolvimento da tecnologia, o Mapa é calculado no computador, de forma bastante simples e rápida.

Depois de pronto, o desenho mostra:

Signos

Horoscopo 2

Círculo dividido nos 12 signos do Zodíaco com 30° cada. Esta divisão é igual em todos os Mapas, pois é o Zodíaco Natural. São 12 constelações: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes.

CONSTELAÇÕES

Casas

ASC

Divisão em 12 Casas Astrológicas. O número de graus de cada Casa varia de Mapa para Mapa, porque depende da hora, do local e do Sistema usado no cálculo. Existem vários Sistemas para calcular estas casas. São os Sistemas de Casas. Alguns exemplos: Placidus, Koch, Casas Iguais, Campanus, etc. O mais usado é o Sistema Placidus, onde seis Casas têm tamanhos diferentes e Casas opostas sempre têm o mesmo tamanho.

As Casas começam nas linhas, chamadas Cúspides, numeradas ou não, que cortam os signos. Há uma Cúspide em cada signo, mas dependendo do mapa, um signo pode conter duas cúspides. Neste caso, o signo oposto também terá duas cúspides e, naturalmente, dois outros signos não terão cúspide alguma. É o que chamamos Signos ou Casas Interceptadas.

De todas as casas, as que possuem maior destaque são: Ascendente ou Casa 1 e o Meio do Céu ou Casa 10, que podem aparecer com setas nas Cúspides. Sua importância se justifica, porque são as casas que respectivamente representam a personalidade exterior da pessoa e o trabalho e carreira profissional, onde a pessoa pode atingir o “alto do céu”.

Planetas

PLANETAS 3

O Sol é uma estrela e a Lua é um satélite, mas para facilitar, costuma-se tratá-los como planetas. Na verdade, os planetas do Sistema Solar são: Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Plutão não é mais classificado como planeta, porém, na Astrologia, Plutão continua sendo calculado e interpretado normalmente.

Aspectos

ASPECTOS 215 X 215

São as linhas coloridas que ligam os planetas e que cortam o mapa.

Quando dois planetas estão ligados por um aspecto, significa que o número de graus entre eles tem significado astrológico.

São conhecidos também por Aspectos Pitagóricos.

Os principais são: conjunção (0°), sextil (60°), quadratura (90°), trígono (120°) e a oposição (180°).

Um Aspecto não precisa ter exatamente estes graus para ser considerado. É permitida uma “folga” de alguns poucos graus para mais ou para menos, chamada Orbe. O tamanho da Orbe varia de aspecto para aspecto. Na interpretação, quanto menor for esta Orbe, mas forte é o Aspecto.

Símbolos

Os signos e os astros, por convenção, são representados por símbolos astrológicos.

Leia mais sobre os astros, as casas astrológicas, os símbolos.

Você sabe seu signo Ascendente?